Home / POLICIAL / Grupo é preso suspeito de roubar gados e adulterar veículos na Paraíba

Grupo é preso suspeito de roubar gados e adulterar veículos na Paraíba

Trio foi detido durante operação na cidade de Cruz do Espírito Santo. Na noite de quinta-feira, outras quatro pessoas foram presas no Cariri.

Do G1 PB

 1387280275392-viatura

Três homens foram presos no início da manhã desta sexta-feira (18) suspeitos de formarem um grupo criminoso que roubava gados, adulterava chassis de carros e lavava dinheiro na cidade de Cruz do Espírito Santo, na região da Mata Paraibana. O trio foi detido em uma operação das Polícias Civil e Militar para cumprimento de mandados de prisão. A polícia ainda procura por um quarto homem que também integraria o grupo. Na noite de ontem, mais uma quadrilha foi presa no Cariri do estado.

Os suspeitos foram presos nas próprias residências, na Zona Rural de Cruz do Espiríto Santo, e não resistiram, conforme relatou o coronel Júlio César, da Polícia Militar. Os presos não estavam armados no momento da prisão, ainda de acordo com a PM. “Eles usavam o dinheiro conseguido de forma ilícita para adquirir patrimônios, que eram colocados em nome de outras pessoas”, explicou o coronel.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, o quarto suspeito procurado é o único do grupo que possui passagem pela polícia. Segundo o coronel Júlio César, o suspeito foragido responde a um processo em liberdade. Os presos foram encaminhados para 6ª Delegacia Distrital, no município de Santa Rita, na Grande João Pessoa, ondem foram autuados. Até as 7h desta sexta-feira (18), o quarto suspeito não havia sido preso.

No Cariri
Em São João do Cariri, por volta das 23h30 de quinta-feira outras quatro pessoas foram presas por suspeita de participação em uma quadrilha de furto de animais. Segundo a Polícia Militar, eles foram presos após um bloqueio na estrada que dá acesso à zona rural de Malhada da Roça. Dois animais que tinham sido furtados foram recuperados. Com os suspeitos foram apreendidas uma espingarda, munição, maconha e dois veículos, sendo um deles utilizado para o transporte de animais furtados.

Veja Também

Justiça absolve Marvin Correia, acusado de ajudar assassino de família na Espanha

Marvin Henriques Correia, acusado de ser cúmplice da chacina da família brasileira em Pioz, na Espanha, foi inocentado ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.