Home / POLITICA / Veja o perfil completo do farmacêutico Ricardo Coutinho, que tenta reeleição no governo da PB

Veja o perfil completo do farmacêutico Ricardo Coutinho, que tenta reeleição no governo da PB

Tão logo terminou os estudos conquistou, via concurso público, uma vaga de farmacêutico no

Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa

Ricardo Coutinho
Ricardo Coutinho

Natural de João Pessoa, Ricardo Vieira Coutinho tem 52 anos. Filho do casal Coriolano Coutinho e Natércia Vieira, ele é formado em Farmácia pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), com especialização em Farmácia Hospitalar na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Pai de dois filhos, Ricardo e Henri Lorenzo, Ricardo é atualmente casado com a jornalista Pâmela Bório. Torce para o Botafogo da Paraíba e é voraz consumidor da cultura paraibana.

Tão logo terminou os estudos conquistou, via concurso público, uma vaga de farmacêutico no Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa. O ex-prefeito da Capital paraibana começou na carreira política ainda no movimento estudantil, quando foi presidente do Centro Acadêmico de Farmácia. Foi quando o momento lhe proporcionou a oportunidade de entrar em contato com o movimento sindical.

Ele atuou na presidência do Sindicato dos Farmacêuticos e, em 1990, foi fundador do SindSaúde. Na mesma década, fundou também o Departamento de Saúde da Central Única dos Trabalhadores na Paraíba. Coutinho esteve ainda, por duas vezes, à frente do sindicato dos funcionários da UFPB.

Ricardo Coutinho foi eleito vereador de João Pessoa pelo Partido dos Trabalhadores, por duas vezes, em 1992 e em 1996. Para o segundo mandato, em 96, obteve 6.917 votos, conquistando o primeiro lugar naquela eleição, registrando o maior número de votos até então recebidos por um vereador na Capital.

Em 1998, candidatou-se a deputado estadual, sendo o mais votado em João Pessoa. Em 2002, ainda pelo PT, foi reeleito com o maior número de votos do pleito: 47.912. Na Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba, Ricardo Coutinho foi presidente da Comissão de Saúde em dois mandatos.

No início do ano de 2004, sofrendo pressões e embates dentro PT, Ricardo deixa a legenda para se candidatar a prefeito da João Pessoa pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), vencendo as eleições com cerca de 65% dos votos da população pessoense.

Em 2008, ele se candidata à reeleição e, novamente, é conduzido ao cargo de prefeito da Capital paraibana. Neste pleito, ele obteve pouco mais de 262 mil votos, o equivalente a 73,8% do eleitorado.

Em 2010, foi eleito governador da Paraíba com a maior votação da história. Foram 1 milhão, 79 mil e 164 votos.

No primeiro turno das eleições deste ano, como candidato à reeleição pela coligação ‘A Força do Trabalho’, Ricardo teve 937 mil e 9 votos, o equivalente a 46,05% dos válidos. Ficou em segundo lugar. A diferença entre ele e Cássio foi de 1,39% dos votos válidos, pouco mais de 28,3 mil votos.

Veja Também

Após Senadores da Oposição atacar CGU, Servidores reagem à CPI e defendem ministro

Dirigentes e servidores de todas as superintendências da Controladoria-Geral da União, incluindo a regional da ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.