Home / POLICIAL / Polícia prende universitários suspeitos de participar de arrastões na orla de João Pessoa

Polícia prende universitários suspeitos de participar de arrastões na orla de João Pessoa

page

A Polícia Militar prendeu, nessa segunda-feira (12), dois estudantes universitários suspeitos de participar de pelo menos 15 roubos seguidos, na orla de João Pessoa. Willy Hiahena Brasilino e Pryscila Cavalcanti, de 22 anos cada, estavam em um carro e abordavam as vítimas para tomar aparelhos celulares. Dois outros acusados de participação nos crimes estão sendo procurado pela PM.

De acordo com os policiais que realizaram a prisão, os aparelhos preferidos pelos suspeitos eram o Iphone, mas como o celular possui rastreador, eles foram monitorados durante todo tempo pelas vítimas que avisaram à Polícia Militar sobre o trajeto que fizeram na fuga. Houve perseguição e o casal foi interceptado na Avenida Monteiro da Franca, em Manaíra. Eles teriam deixado, minutos antes, os outros autores dos crimes no Bairro São José.

Com os detidos foram recuperados vários aparelhos, bolsas e dinheiro roubados. A dupla foi encaminhada para a 12ª Delegacia Distrital, em Manaíra. A polícia já identificou os outros dois participantes dos assaltos. O homem preso mora em Manaíra e já foi detido antes por tráfico de drogas. A mulher mora em Miramar e foi liberada após prestar depoimento.

Pelo menos 15 vítimas compareceram à Delegacia da Polícia Civil e reconheceram o carro e os suspeitos, inclusive algumas das pessoas roubadas seguiam os jovens em uma rede social de postagem de fotos, o que também ajudou no reconhecimento.

Em Oitizeiro – Carlos Antônio da Silva, de 19 anos, foi preso em flagrante após roubar passageiros do ônibus que faz a linha 101 (Grotão), na Avenida Cruz das Armas. Ele estava armado com uma faca, utilizada para ameaçar as vítimas.

Fonte: secom / Portal Santa Rita Verdade

IMG-20150113-WA0011 IMG-20150113-WA0009

Veja Também

Paraibana confessa ter matado pai para beber sangue dele “saber era doce”; acusada era abusada pela vítima

Uma mulher confessou, no último dia 19  que matou seu pai em 2015, na Paraíba. ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.