Home / ESPORTE / Em jogo alucinante, Audax elimina Corinthians nos pênaltis e vai à final do Paulistão

Em jogo alucinante, Audax elimina Corinthians nos pênaltis e vai à final do Paulistão

image

Time de Osasco chega a estar duas vezes à frente do placar, com golaços de fora da área, mas Timão busca o empate com André. Nos penais, Fagner e Rodriguinho erram, e equipe de Tite é eliminada

Doze anos após sua fundação, o Audax chega à decisão do Campeonato Paulista

AUDAX NA FINAL!

Num dos melhores jogos do Campeonato Paulista até o momento, o Audax eliminou o Corinthians nos pênaltis, após empate em 2 a 2 no tempo normal, na noite deste sábado, na Arena Corinthians. Com dois golaços de fora da área e seu toque de bola característico, o time de Osasco esteve por duas vezes à frente do placar e ainda quase marcou o terceiro, mas acabou precisando dos penais para eliminar o COrinthians. Fagner (na trave) e Rodriguinho (defesa de Sidão) desperdiçaram suas cobranças. Camacho, o craque do Audax, foi o responsável pela última cobrança, decretando os 4 a 1 na decisão por pênaltis.

FILME REPETIDO

A eliminação do Corinthians lembra muito a do ano passado, para o Palmeiras. O Timão também havia feito a melhor campanha da primeira fase, empolgava na Libertadores, mas empatou em 2 a 2 e perdeu nos pênaltis a vaga para a decisão.

EM ITAQUERA

É a quarta vez que o Corinthians perde um mata-mata em casa. Já havia sido eliminado pelo Palmeiras (Paulistão-2015), Santos (Copa do Brasil-2015) e Guaraní do Paraguai (Libertadores-2015).

O JOGO

Bruno Paulo abriu o placar num chutaço de fora da área aos 25 minutos do primeiro tempo. André empatou aos 7 do segundo, de cabeça. Tchê Tchê voltou a colocar o Audax em vantagem aos 25. André tornou a empatar aos 33. O jogo continuou aberto até o fim, num ritmo alucinante. Sem prorrogação, foi direto para os pênaltis. Velicka, Tchê Tchê, Ytalo e Camacho fizeram para o Audax. Só André marcou pelo Corinthians. Fagner mandou na trave, e Sidão pegou o chute de Rodriguinho.

Para se ter uma ideia do feito do Audax: nos 12 jogos anteriores na Arena Corinthians este ano (com 12 vitórias), o Timão só havia sido vazado duas vezes e nunca havia estado em desvantagem. O Audax ficou duas vezes na frente no placar e criou chances para fazer o terceiro e matar o jogo no tempo normal. Em nenhum momento o Audax se comportou como time pequeno, tentando segurar o empate. Méritos do técnico Fernando Diniz.

QUEM VEM AGORA?

O adversário na decisão sai do clássico entre Santos e Palmeiras, que duelam na Vila Belmiro, neste domingo, às 16h. As finais serão disputadas nos dois próximos domingos, às 16h. Os locais dos jogos serão decididos pela Federação Paulista de Futebol.

Veja Também

Messi conquista sua sétima Bola de Ouro e iguala recorde de Pelé; CR7 ficou em 6º lugar

A revista “France Football” revelou, nesta segunda-feira, que Lionel Messi foi o vencedor do tradicional ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.