Home / POLICIAL / Bando cerca sede da PM, dispara vários tiros e explode agência bancária, na PB

Bando cerca sede da PM, dispara vários tiros e explode agência bancária, na PB

Ao Portal Correio, sargento falou que ele e outros policiais ficaram acuados com a ação dos criminosos

Agência em Pilar foi bastante danificada pela explosão

Agência em Pilar foi bastante danificada pela explosão

O prédio da Companhia de Polícia Militar em Pilar (Mata paraibana, a 55 km de João Pessoa) foi cercado por criminosos na madrugada desta segunda-feira (15) durante assalto à agência do Banco do Brasil na cidade. O caso aconteceu por volta das 3h20 e a polícia acredita que mais de dez bandidos tenham participado da ação. Nenhum suspeito foi preso.

Ao Portal Correio, o sargento Augusto informou que o bando passou cerca de 30 minutos disparando tiros em Pilar. Alguns deles foram em direção à sede da Polícia Militar. Seis policiais estavam de plantão, incluindo o sargento Augusto. Os militares, no entanto, não puderam confrontar os bandidos.

“Não tínhamos condições de tentar parar aquela ação criminosa. Ficamos acuados dentro da Companhia. Eles passaram pelo menos meia hora atirando. Foi um horror, mas conseguimos nos proteger e ninguém saiu ferido”, contou.

O policial informou ainda que o bando detonou explosivos na agência do Banco do Brasil. O objetivo seria violar os três cofres principais, já que nos fins de semana não é colocado dinheiro nos caixas eletrônicos. “Ainda não sabemos se eles conseguiram ter acesso ao dinheiro dos cofres, nem o valor que estava guardado nos equipamentos. Mas o que já podemos afirmar é que a agência ficou completamente destruída com a explosão”, completou.

Ainda conforme o sargento Augusto, os bandidos fugiram em caminhonetes com direção a Juripiranga. Foram realizadas buscas na região no início da manhã, mas nenhum suspeito havia sido preso até a publicação desta matéria.

A Polícia Federal e equipes de perícia foram acionadas para cuidar das investigações e calcular os prejuízos.

Veja Também

Idoso preso por engano, em João Pessoa, é liberado da Central de Polícia após decisão da Justiça

Foi solto no início da tarde de hoje (22), Ricardo José Santos da Silva, de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.