Home / POLITICA / Vereador do PSB denuncia esquema de corrupção dentro do partido em João Pessoa; acusados negam

Vereador do PSB denuncia esquema de corrupção dentro do partido em João Pessoa; acusados negam

renato_martins

O vereador Renato Martins (PSB), que não conseguiu ser reeleito nas eleições do último domingo (02), denunciou em grupos de WhatsApp um possível esquema de corrupção que teria beneficiado três candidatos do PSB, eleitos para o primeiro mandato na Câmara Municipal de João Pessoa.

De acordo com o parlamentar, os socialistas Léo Bezerra, Tibério Limeira e Tanilson Soares, teriam contado com a ajuda da deputada Estela Bezerra (PSB) e da secretária de Finanças do Estado Livânia Farias. Ele também cita outro suposto caso de corrupção envolvendo o PSB, desta vez com a participação do procurador-geral do Estado Gilberto Carneiro.

No áudio, Renato afirma que Tenilson foi ajudado pela secretária Livânia Farias, apontada pelo vereador como a maior chefe de corrupção do Estado.

Já Tibério Limeira, que ocupava os cargos de secretário de Esporte e do Empreender e se descompatibilizou para concorrer à uma vaga na CMJP, teria conseguido dinheiro por meio da venda de aparelhos de nota fiscal para comerciantes no valor de R$ 3 mil, seis vezes maior do que o normal segundo o parlamentar, que ainda chama Estela de deputada corrupta.

Ainda segundo Martins, Léo Bezerra, que foi o vereador mais votado da capital, teria “saqueado” a Saúde, o Detran e a LOTEP para poder ser eleito.

Em outra gravação, o socialista afirma que o procurador-geral do estado Gilberto Carneiro teria participado de um suposto esquema de recebimento de comissão da empresa Desk. Ele afirma que o procurador teria impedido a realização da CPI da Lagoa na CMJP, para não ter que ir a Cas.

“Naquele escandaloso caso que ele [Gilberto] recebeu comissão na compra de material escolar que nunca chegou nas escolas. Então, nestes casos a gente precisa agir. É papel do vereador lutar. Eu sou um vereador de luta. Vamos a frente, eu lutei muito, e lutarei muito mais”, afirmou.

Renato Martins encerra afirmando que é preciso por fim ao esquema dentro do PSB.

“Esses corruptos não devem sair impunes, não só eles, mas os cabeças. A gente precisa ficar atento e lutar para estancar a corrupção que nosso partido não merece, nem nosso líder, vamos ficar atento que muita coisa pode acontecer”, disse,

Confira os áudios:

Em contato com o Portal Mais PB, a secretária de Finanças do Estado, afirmou que não tomou conhecimento do áudio, mas que espera que o vereador possa provar a denúncia.

“Eu não conheço esse cidadão, ouço falar que ele é vereador e se ele disse isso, ele que prove”, disse.

O vereador eleito Léo Bezerra (PSB) informou que fez uma campanha limpa e transparente, mas diz esperar que Renato repense o que foi dito. “Venceu a vontade do povo de João Pessoa. Espero que o vereador pense bem, veja que isso são palavras que não tem fundamento e aceite as respostas das urnas, como eu aceitei nas eleições passadas”, pontuou.

O ex-secretário de esportes Tibério Limeira, disse que não vai se pronunciar sobre o assunto, pois ainda não teve acesso ao áudio.

O Portal MaisPB tentou entrar em contato com a deputada Estela Bezerra (PSB), com o procurador-geral do estado Gilberto Carneiro, mas as ligações não foram atendidas.

A reportagem também tentou falar com o vereador Renato Martins (PSB), autor dos áudios, para obter mais detalhes da denúncia, mas não fomos atendidos.

MaisPB

Veja Também

‘Quem tem mais de 30 anos não pode se enganar com o PT’, diz Bolsonaro

‘Você pode até me criticar, mas qual opção que você tem depois de mim?’, questionou ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.