Home / NOTÍCIAS / Antes de sair, prefeito da PB sanciona lei que proíbe sucessor de contratar parentes

Antes de sair, prefeito da PB sanciona lei que proíbe sucessor de contratar parentes

Projeto foi aprovado pela câmara municipal em novembro de 2016, mas sancionado no dia 28 de dezembro, nas vésperas de Gemilton Souza deixar o cargo, por não ter consegui se reeleger

Projeto foi sancionado por Gemilton Souza
Projeto foi sancionado por Gemilton Souza
A contratação de parentes no governo municipal está proibida em São Bento, no Sertão do estado, a 375 km de João Pessoa. A lei foi sancionada pelo agora ex-prefeito Gemilton Souza (PSB). Esse foi um dos últimos atos da sua administração à frente da prefeitura sertaneja.

O projeto foi aprovado pela câmara municipal em novembro de 2016, mas sancionado no dia 28 de dezembro, às vésperas de Gemilton Souza deixar o cargo, por não ter conseguido se reeleger.

Com a sanção da lei, fica proibida a contratação por parte da administração pública municipal de pessoas tanto físicas quanto jurídicas que tenham algum laço familiar com as ligadas ao governo, tais como secretários, vereadores, chefes de serviço e que ocupem algum cargo ou função de confiança.

 

 

 

Acompanhe mais notícias do Paraíba em Minuto nas redes sociais: Facebook, e Instagram.
Entre em contato com a redação do Paraíba em Minuto: 

Telefone: (83) 98704-3401

WhatsApp: (83) 98704-3401

E-mail: redacaosantaritaverdade@gmail.com

Veja Também

Emprego dos sonhos: empresa procura ‘especialista em dormir’ para testar colchões e ganhar R$ 5 mil por mês

A seleção busca um candidato brasileiro, maior de 18 anos, criativo e usuário frequente de ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

%d blogueiros gostam disto: