Home / PARAÍBA / COMEMORAÇÃO: Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar emitem nota sobre aumento dos salários

COMEMORAÇÃO: Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar emitem nota sobre aumento dos salários


NOTA:

A Caixa Beneficente dos Oficiais e Praças da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba e a Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar, em razão do anúncio da incorporação de valores na remuneração dos policiais e bombeiros nos próximos dias, vêm a público esclarecer e informar os seguintes pontos:
1. Há pelo menos seis meses as duas entidades, os comandantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, bem como as associações que representam os policiais civis vinham negociando com o próprio governador e sua equipe econômica algumas melhorias para a categoria, buscando o diálogo como a principal forma para ter os pleitos atendidos;
2. Em todos os encontros foram tratados três eixos principais para a categoria: promoções, reajustes e reparação das perdas dos inativos;
3. A Caixa Beneficente optou por não divulgar o resultado das reuniões, que tiveram muitas vezes a presença do próprio governador, para não gerar expectativas enquanto o processo de melhorias – que estava sendo construído – não chegasse a um resultado concreto, uma forma de respeito aos policiais e bombeiros militares e preservação deles contra a exploração política que algumas associações costumam fazer em oportunidades como essas, o que atrapalha as negociações e inibe as conquistas, quando não chegam ao extremo de expor à tropa;
4. Alguns dos pleitos já foram atendidos, a exemplo do ‘destravamento’ das promoções, que começaram a ser efetivas e serão regularizadas este ano, de forma gradual;
5. Estamos próximos de ter mais um pleito atendido, o da incorporação de parte do valor dos plantões, uma saída para gerar melhorias financeiras em um momento de crise econômica que o país vem enfrentando;
6. Nos últimos dias, a Caixa Beneficente e a Associação dos Cabos e Soldados estiveram reunidas mais uma vez com a equipe econômica do governo para ajustar os últimos detalhes dessa primeira etapa da incorporação, dentro da realidade econômica que o Governo apresentou, o que será compartilhado agora com a categoria:
Soldado: R$ 3.057,35
Cabo: R$ 3.241,13
3º Sargento: R$ 3.701,63
2º Sargento: R$ 4.192,24
1º Sargento: R$ 4.734, 87
Subtenente: R$ 5.446, 32
Aspirante: R$ 5.187,89
2º Tenente: R$ 6.502,56
1º Tenente: R$ 7.467, 85
Capitão: R$ 8.837,18
Major: R$ 10.022, 88
Tenente-Coronel: R$ 11.293, 45
Coronel: R$ 13.902, 86
7. Vale lembrar que esse acréscimo faz parte da primeira de três etapas da incorporação que o Governo do Estado irá fazer;
8. O acréscimo não implica em mudanças de escalas de serviço, extinção do serviço voluntário remunerado (plantões extras) e nem afeta outras conquistas como a bonificação por armas apreendidas e o pagamento do Prêmio Paraíba Unida pela Paz;
9. Reafirmamos o papel de continuarmos o diálogo com o Governador para construir o atendimento de outros pleitos ainda em discussão, sem politizar o processo e nem buscar promoção pessoal com aquilo que é obrigação de quem representa uma categoria. Não foi possível a união de todas, mas haverá um dia de acontecer, quando o interesse for coletivo (e não individual) de efetivamente buscar melhorias para os policiais e bombeiros militares.
Coronel Sobreira

Presidente da Caixa Beneficente dos Oficiais e Praças da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba
Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar

Veja Também

NA PARAIBA: Feriado de 5 de agosto deve modificar funcionamento de órgãos e comércio

Cinco de agosto é a data em que se comemora o aniversário de João Pessoa. ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

%d blogueiros gostam disto: