Home / CIDADES / TCE-PB: irmão de Luiz Antônio acumula cargos nas prefeituras de Bayeux e JP e fatura mais de R$ 15 mil por mês

TCE-PB: irmão de Luiz Antônio acumula cargos nas prefeituras de Bayeux e JP e fatura mais de R$ 15 mil por mês

A aliança entre o PSD, do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, e o PSDB, do prefeito interino de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), tem rendido frutos ao irmão do antigo vice da cidade bayeuxense.

 

Adalberto de Miranda, que atuava como professor de biologia antes do seu irmão ascender ao cargo com o afastamento de Berg Lima, hoje é secretário municipal de Bayeux e recebe mais de R$ 15 mil com o acúmulo de cargos na esfera pública.

 

Dados levantados pelo Paraíba Já junto ao Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB)) revelam que, como secretário de Educação de Bayeux, cargo comissionado, o irmão de Luiz Antônio ganha R$ 10.128,00 mensalmente.

 

Além disso, Adalberto recebe R$ 5 mil como assessor administrativo da Prefeitura Municipal de João Pessoa, contratado em regime de “excepcional interesse público”.

 

Conforme a legislação, os cargos de secretariado são de dedicação exclusiva, o que impede o acumulo com outras funções no setor público.

 

Paralelamente a boa remuneração de alguns, vereadores do município de Bayeux denunciam perseguição a servidores humildes, que ganham salário mínimo e necessitam da remuneração para sobreviver, só pelo fato de possuírem ligações com parlamentares da oposição.

 

 

 

Do Paraíba Já

 

 

 

Acompanhe mais notícias do Paraíba em Minuto nas redes sociais: Facebook e Instagram.

Entre em contato com a redação do Paraíba em Minuto:

Telefone: (83) 98704-3401

WhatsApp: (83) 98704-3401

E-mail: redacaosantaritaverdade@gmail.com

Veja Também

João Pessoa publica novo decreto e mantém 20% da capacidade de públicos em shows

O novo decreto vale até 30 de novembro. A expectativa é que a partir de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.