Home / CIDADES / Análise: TCE aponta aumento de 267% em gasto com propaganda e Cartaxo pode ter contas reprovadas

Análise: TCE aponta aumento de 267% em gasto com propaganda e Cartaxo pode ter contas reprovadas

Uma informação divulgada ontem pelo Tribunal de Contas do Estado (PCE) coloca mais uma vez em xeque a gestão do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV).

O órgão, através do conselheiro Nominando Diniz, faz alerta para que Cartaxo adote medidas para que a gestão orçamentária, financeira e patrimonial do município não seja comprometida.

 

Ao todo, foram 12 irregularidades enumeradas no relatório. De maneira que, se nada for feito para corrigir, Cartaxo poderá sofrer graves punições como a rejeição de suas contas, podendo ser enquadrado no crime de improbidade administrativa.

 

Os problemas enumerados são ausência de envio do Plano Plurianual 2017/2020, fluxo financeiro deficitário, ocorrência de déficit financeiro, gasto excessivo com publicidade, elevado gasto com pessoal contratado temporariamente, erro na classificação da despesa com combustível, investimento em educação abaixo do mínimo permitido, aquisições de medicamentos com indícios de irregularidades, despesa com pessoal do município acima do limite prudencial (57% da Receita Corrente Líquida), aumento de 25% no número de contratados temporariamente entre janeiro e junho de 2018, indícios de ausência de pagamento de obrigações patronais devidas ao Regime Geral de Previdência Social, e ausência de informações sobre recolhimento do FGTS e de informações à Previdência Social do Instituto Cândida Vargas.

 

O Alerta 00594/18 integra o processo de número 00172/18.

 

 

 

Paraíba em Minuto com PB Agora

 

 

Acompanhe mais notícias do Paraíba em Minuto nas redes sociais: Facebook e Instagram.

Entre em contato com a redação do Paraíba em Minuto:

Telefone: (83) 98704-3401

WhatsApp: (83) 98704-3401

E-mail: redacaosantaritaverdade@gmail.com

Veja Também

TCE-PB recomenda suspensão de shows do São João de Santa Rita e aponta irregularidades na contratação de artistas

Ainda segundo análise da auditoria, há irregularidades na contratação de bandas que já se apresentaram. ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

%d blogueiros gostam disto: