Home / PARAÍBA / FGTS: saque imediato para nascidos em abril e maio começa nesta sexta-feira

FGTS: saque imediato para nascidos em abril e maio começa nesta sexta-feira

O banco recomenda que o trabalhador esteja com a carteira de trabalho em mãos no momento do saque

O banco recomenda que o trabalhador esteja com a carteira de trabalho em mãos no momento do saque Foto: Marcelo Régua

Trabalhadores nascidos em abril e maio poderão realizar a retirada de até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do FGTS a partir desta sexta-feira (dia 8).

De acordo com a Caixa Econômica Federal, nessa nova etapa do calendário do saque imediato ou emergencial, serão alcançadas mais de 8,8 milhões de pessoas, com a liberação de aproximadamente R$ 3,4 bilhões.

Até o dia 5 de novembro, foram pagos mais de R$ 17,4 bilhões do saque imediato do FGTS para cerca de 41,3 milhões de trabalhadores. A Caixa já atendeu cerca de 43% dos 96 milhões de trabalhadores contemplados pela Medida Provisória (MP) 889/2019 e liberou, aproximadamente, 44% dos R$ 40 bilhões previstos.

Para facilitar o atendimento, 2.381 agências da Caixa abrirão em horário estendido nesta sexta e na próxima segunda-feira. A lista das agências com horário especial de atendimento está no site fgts.caixa.gov.br. O banco recomenda que, para agilizar o atendimento, o trabalhador esteja com sua carteira de trabalho em mãos no momento do saque.

Os trabalhadores podem ser atendidos nos terminais de autoatendimento da instituição financeira, utilizando apenas a senha do Cartão Cidadão e, nas casas lotéricas, utilizando a senha do Cartão Cidadão e um documento de identidade.

Saques de até R$ 100 poderão ser feitos utilizando apenas a carteira de identidade, nas casas lotéricas, explicou o vice-presidente do Agente Operador Caixa, Paulo Henrique Angelo.

Saques poderão ser feitos até a data-limite

A data-limite para o recebimento do dinheiro é 31 de março de 2020. Caso o saque não seja feito até lá, os recursos vão retornar para a conta de FGTS do trabalhador, sem qualquer ônus.

O saque imediato ou emergencial não altera o direito do trabalhador ao saque de todo o saldo da conta do FGTS, em caso de demissão sem justa causa ou demais hipóteses previstas em lei (aposentadoria, compra da casa própria ou doença grave).

A retirada de até R$ 500 por conta do FGTS também não significa a adesão ao saque-aniversário (que será liberado somente a partir de abril do ano que vem) ou a perda do direito à multa rescisória de 40% paga pelo empregador em caso de demissão sem justa causa, independentemente do canal de recebimento.

Confira o novo calendário de saque imediato ou emergencial do FGTS (R$ 500)

Nascidos em janeiro – 18 de outubro de 2019

Fevereiro e março – 25 de outubro de 2019

Abril e maio – 8 de novembro de 2019

Junho e julho – 22 de novembro de 2019

Agosto – 29 de novembro de 2019

Setembro e outubro – 6 de dezembro de 2019

Novembro e dezembro – 18 de dezembro de 2019

Paraíba em Minuto

Acompanhe mais notícias do Paraíba em Minuto nas redes sociais: Facebook e Instagram

Entre em contato com a redação do Paraíba em Minuto:

Telefone: (83) 98704-3401

Sobre Paraíba em Minuto

Veja Também

Taxa de desemprego cai em 16 estados, revela IBGE

Especialistas apontam que aumento do emprego no país tem sido puxado pelo crescimento da informalidade. ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.