Home / NOTÍCIAS / FPB assina convênio com o TJPB e inaugura Centro de Conciliação e Mediação

FPB assina convênio com o TJPB e inaugura Centro de Conciliação e Mediação

10604450_617084288413029_9173709996078811711_o
Desembargadora Dra.Fátima Bezerra Cavalcanti, Diretor geral da FPB Dr.Clay Mattozzo, Coordenador do curso de Direito da FPB Dr.Gustavo Rabay, Os professores Antônio Toscano, Bruno Bastos, Hebert Viera, Luís Carlos Santos Lima, além do diretor adjunto do Núcleo de Conciliação, Antônio Carneiro e a juíza da comarca de Bayeux, Conceição de Lourdes Marsicano.

 

O diretor da Faculdade Internacional da Paraíba (FPB) participou na última quarta-feira (13), juntamente com os representantes do curso de Direito, de solenidade no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB). Na ocasião, foi assinado convênio entre a instituição de ensino e o órgão, na presença da desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti e representantes da FPB. O convênio permitirá a implantação do décimo quinto Centro de Conciliação e Mediação (CCM), no núcleo jurídico da FPB, que inclusive será inaugurado hoje, às 15h. Já ontem (14), a FPB recebeu a visita de juízes do TJPB. A equipe de juristas vieram conhecer as instalações e obras do Centro.

Em entrevista à assessoria de comunicação da TJPB, o diretor geral da FPB, Clay Mattozzo, falou da importância da implantação do Centro de Conciliação e Mediação na instituição, tendo em vista que este serviço vai permitir a aplicação da Justiça, de forma ágil, conciliadora e pacífica entre as partes. Além disso, destacou o trabalho realizado pelo TJPB, quem vem aproximando a Justiça da sociedade. “Esse convênio vai permitir realizar a nossa missão, ajudando a vida em comunidade na grande João Pessoa. Nós, enquanto instituição, temos o papel de aproximar os alunos de Direito da comunidade”, ressaltou.

A desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti, enfatizou a importância da parceria, já que esta proporcionará a inserção de uma Justiça, a qual convergirá para uma forma de julgamento que priorizará o bem estar da sociedade. “A justiça do futuro passa pela conciliação”, esclareceu a presidente.

O coordenador do curso de Direito da FPB, o professor Gustavo Rabay, falou da conquista que o convênio representa para a faculdade, bem como, para a comunidade que contará com um serviço de conciliação. “O novo centro vai permitir uma nova via de cidadania para todos os nossos alunos”, ratificou.

Participaram também da reunião, os professores Antônio Toscano, Bruno Bastos, Hebert Viera, Luís Carlos Santos Lima, além do diretor adjunto do Núcleo de Conciliação, Antônio Carneiro e a juíza da comarca de Bayeux, Conceição de Lourdes Marsicano.

Fonte: FPB,

Secy Braz 

Assessoria de Comunicação do TJPB

Veja Também

Homem que ‘morreu há 45 anos em acidente aéreo’ reaparece

Sajid Thungal esteve ‘morto’ por 45 anos Foto: Divulgação/K. M. Philip A família acreditava que ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.