Home / CIDADES / RETRATO DO ABANDONO: Após quase oito anos CAIC de Mangabeira preocupa vizinhos que temem invasão

RETRATO DO ABANDONO: Após quase oito anos CAIC de Mangabeira preocupa vizinhos que temem invasão

caic_mangabeira_clickpb_1

O prédio onde funcionava o CAIC de Mangabeira atualmente está tomado pelo mato, que cresce sem limites perante o abandono. A escola, que já foi referência no ensino público e considerada como uma das mais tradicionais de João Pessoa, não funciona desde 2011.

 

A reportagem do ClickPB esteve no Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente (CAIC) de Mangabeira neste fim de semana e constatou a situação de abandono. A construção está quase que inteiramente sendo tomada pelas plantas.

 

Como o terreno do CAIC é muito grande, a população que vive nas proximidades teme o abandono do local. O matagal alto proporciona até mesmo um esconderijo para delinquentes e poderia acobertar crimes.

caic mangabeira clickpb 2 - RETRATO DO ABANDONO: Após quase oito anos CAIC de Mangabeira preocupa vizinhos que temem invasão

No ano passado, como o ClickPB havia destacado, a situação também não era animadora no local. O prédio já estava em situação precária e de abandono, servindo até mesmo como criadouro de bodes.

 

Atualmente, o prédio do CAIC foi cedido ao Instituto Federal da Paraíba (IFPB). Apesar de existirem projetos para transformar o prédio em ruínas na sede da reitoria da instituição de educação, não há previsão sobre quando isso poderá acontecer.

caic mangabeira clickpb 3 - RETRATO DO ABANDONO: Após quase oito anos CAIC de Mangabeira preocupa vizinhos que temem invasão
caic mangabeira clickpb 4 - RETRATO DO ABANDONO: Após quase oito anos CAIC de Mangabeira preocupa vizinhos que temem invasão

Paraíba em Minuto com ClickPB

Veja Também

Pizzaria nega prática de assédio moral contra funcionário durante visita de Bolsonaro, em João Pessoa

O restaurante Formaggio 43 negou, nesta quinta-feira (12), qualquer prática de assédio moral contra funcionário ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

%d blogueiros gostam disto: