Home / BRASIL / MUITO ELOGIADO: Tema da redação do Enem é ‘Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil’

MUITO ELOGIADO: Tema da redação do Enem é ‘Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil’

‘Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil’ é o tema da redação do Enem 2021, que começou às 13h30 deste domingo (21). O tema foi divulgado pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, nas redes sociais às 13h50.

Os candidatos devem elaborar um texto dissertativo e elaborar uma proposta de intervenção sobre o tema. No ano passado, o tema havia sido “o estigma associado às doenças mentais na sociedade brasileira”.

Além da redação, os candidatos também fazem hoje as provas de ciências humanas e Linguagens.

Eles terão 5 horas e meia para fazer a redação e responder a 90 questões objetivas. No próximo domingo (28), os candidatos fazem as provas de matemática e ciências da natureza.

O tema da redação deste ano foi elogiado por educadores. Para eles, é positivo que, mesmo com as denúncias de interferência, a prova mantenha o padrão de abordar questões sobre direitos humanos.

Thiago Braga, autor de Língua Portuguesa do Sistema de Ensino pH, diz ser satisfatório que a redação proponha esse tipo de discussão.

“É um tema bastante pertinente já que muitas pessoas no país ainda não conseguem ter acesso a registro civil, um direito tão básico, mas que não é garantido a todos. É uma excelente discussão para ser proposta à juventude do Brasil.”

O Enem deste ano recebeu o menor número de inscrições dos últimos 14 anos devido a Pandemia.

A prova, que já teve mais de 8,7 milhões de inscritos, teve em 2021 apenas 3,1 milhões. É também a edição com a menor proporção de inscritos pretos, pardos e indígenas dos últimos dez anos.

Os portões foram fechados às 13h e os candidatos começam a fazer as provas às 13h30 e têm até às 19h para escrever o texto e responder às 90 questões.

Os participantes só podem deixar a sala de provas, em definitivo, duas horas após o início da aplicação, às 15h30. Por causa da pandemia, os estudantes não podem tirar a máscara durante a aplicação.

Veja Também

Lira cobra do Senado solução para baixar gasolina e diz que governadores miram eleição

Após decisão dos estados e do DF de suspender congelamento do ICMS, presidente da Câmara ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.