Home / HI-TECH / Casal é condenado a pagar US$ 12 milhões para a Nintendo por pirataria

Casal é condenado a pagar US$ 12 milhões para a Nintendo por pirataria

Ação contra os donos dos sites LoveRetro e LoveROMS refletiu em outras páginas do gênero

A Nintendo tem feito uma campanha agressiva contra a pirataria de seus jogos na web. A maior prova disso é a ação movida contra Jacob e Christian Mathias, donos do LoveROMS.com e do LoveRetro.co.uk, sites que disponibilizavam cópias de games antigos da Big N para consoles e emuladores (os chamados ROMs).

 

Como resultado, eles foram condenados a pagar US$ 12,23 milhões para a empresa, por violação de direitos autorais e concorrência desleal. A liminar também obriga Jacob e Christian a entregar todas as cópias de jogos e emuladores que possuem para a Nintendo. Além disso, o casal está proibido de manter outros sites de ROMs.

 

Por determinação legal, o LoveRetro.co.uk e o LoveROMS.com agora são propriedades da Big N. Ao acessar essa última página, o internauta vê, inclusive, um pedido de desculpas à empresa. “Reconhecemos que causamos problemas para a Nintendo, seus parceiros e clientes”, diz a mensagem.

 

O processo não fez apenas com que Jacob e Christian removessem seus sites da web em julho. Por temerem virarem novos alvos da Big N, páginas similares de ROMs e emuladores encerraram suas atividades. Entre elas está a popular EmuParadise.

 

 

Paraíba em Minuto

 

 

Acompanhe mais notícias do Paraíba em Minuto nas redes sociais: Facebook e Instagram.

Entre em contato com a redação do Paraíba em Minuto:

Telefone: (83) 98704-3401

WhatsApp: (83) 98704-3401

E-mail: redacaosantaritaverdade@gmail.com

Sobre Paraíba em Minuto

Veja Também

Netflix testa assinaturas mais econômicas apenas para dispositivos móveis

A Netflix esta planejando ter planos de assinaturas mais econômicos. No entanto, de acordo com ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.