Home / CIDADES / RETORNO CERTO: Reginaldo Pereira se mostra confiante e acredita no retorno à prefeitura até o fim do mês

RETORNO CERTO: Reginaldo Pereira se mostra confiante e acredita no retorno à prefeitura até o fim do mês

Em entrevista exclusiva ao blog, o prefeito afastado de Santa Rita, Reginaldo Pereira, fez um paralelo da sua situação com a do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (MS), que passou pelo mesmo processo de cassação na Câmara dos Vereadores, ficou dois meses afastado e voltou ao cargo por determinação da Justiça.

Reginaldo acredita que a Justiça paraibana também entenderá que a sua cassação não se sustenta em provas e que tudo não passou de um golpe. De acordo com o prefeito, as acusações são infundadas. “Me acusam de nepotismo, mas o próprio Ministério Público já emitiu parecer alegando que familiar em cargo de secretário não configura nepotismo”, disse Reginaldo.

O prefeito afastado também alega que em nenhum processo de cassação, o direito de defesa foi respeitado, o que levanta suspeitas sobre a agilidade da cassação.

Confiante na Justiça, Reginaldo acredita que até o final do mês retornará ao mandato conquistado democraticamente em 2012, e promete uma gestão diferente. “Fomos sabotados esse tempo todo por aqueles que planejavam o golpe. Nossas ações não eram divulgadas pelo secretário de Comunicação, aliado do vice-prefeito Netinho. Também existia sabotagem em outras pastas da prefeitura. Mas agora será diferente”, promete Reginaldo.

Os advogados de Reginaldo Pereira entram nesta segunda-feira (26) com um pedido de liminar na Vara de Direitos Difusos Coletivos e Individuais , pedindo a suspensão do decreto de cassação e a volta de Reginaldo.

Vamos aguardar…

Sobre Hudson Almeida

Veja Também

Perfil no Instagram cria ranking de banheiros públicos em João Pessoa

Está ganhando destaque no Instagram um perfil bem humorado, que oferece um serviço de utilidade ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.