Home / ENTRETENIMENTO / Morte de agressor de Ana Hickmann foi legítima defesa, diz delegado

Morte de agressor de Ana Hickmann foi legítima defesa, diz delegado

Fã da apresentadora levou dois tiros na cabeça e um no braço.

image

RIO — Os primeiros depoimentos sobre a morte de Rodrigo Augusto de Pádua, de 30 anos, que invadiu armado o quarto de hotel da apresentadora Ana Hickmann, sábado em Belo Horizonte (MG), apontam que houve legítima defesa. De acordo com o delegado Flávio Grossi do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DIHPP), o cunhado da apresentadora Gustavo Correa imobilizou o agressor na parede e gritou para que a apresentadora e a asessora dela, Giovana Oliveira, saíssem do quarto.

— Ele agiu em defesa da Ana Hickmann e da esposa — contou o delegado.

Para o policial, o fanatismo de Rodrigo por Ana Hickmann foi o motivo do atentado, e o crime foi premeditado.

— Não há outra motivação aparente que não esse fanatismo.

O agressor abordou o Gustavo na entrada do elevador, quando saía do restaurante, e o obrigou a levá-lo até o quarto da apresentadora no nono andar do hotel Caesar Business, no bairro Belvedere. Ao chegar no aposento, Rodrigo mandou os três ficarem de costas e começou a ofender Ana Hickmann, além de falar palavras desconexas. Neste momento, Gustavo se recusou a ficar de costas e foi para cima do agressor. Dois tiros foram disparados e acertaram Giovana no abdômen e no braço.

Ainda segundo a polícia, o fã e o cunhado a paresentadora começaram a brigar e mais três tiros foram disparados, quando a arma já estava nas mãos de Gustavo. Dois acertaram a cabeça e um o braço de Rodrigo. A arma, um revólver calibre 38, está com a numeração raspada.

Após prestar depoimento na noite de sábado, a apresentadora voltou para casa em São Paulo. Muito abalada, ela saiu da delegacia pouco antes das 23h e não quis dar entrevista. Neste domingo, ela enviou um comunicado por meio de sua assessoria:

“Nunca pensei que isso poderia acontecer. Nunca pensei que o ser humano fosse capaz disso. Foi terrível. Estou profundamente abalada e triste. Só peço que todos rezem por minha cunhada para que ela se recupere logo.”

Giovana está internada no Centro de Terapia Intensiva do Biocor, após ter se submetido a uma cirurgia. O hospital informou que o estado de saúde dela é estável.

Na conta de Giovana no Instagran, Gustavo disse que o que aconteceu “foi uma aberração” e agradeceu o apoio dos amigos.

“Caros amigos, é o Guto. O que houve foi sem precedente, uma aberração. Agradeço o apoio, lamento não poder atender a todos Com certeza meu amor sairá dessa em breve”, escreveu ele.

O marido de Ana Hickman e irmão de Gustavo, Alexandre Correa, também usou a rede social para comentar o assunto.

“Reza a regra da vida que todo irmão mais velho é o herói do mais novo. Errado, meu irmão é o meu herói. Guto, eu te amo”, escreveu Alexandre.

Na conta do Instagran de Rodrigo, há várias fotos de Ana e mensagens de amor para ela.

“Nada do que eu disser consegue mensurar o tamanho do meu sentimento por você Ana! Eu amo te amar meu amor!”, diz uma das mensagens.

Em outra, ele diz que pelas leis pode não ser o homem de Ana, mas que no coração dele ela é sua garota:

“Por isso eu digo que vc é a mulher da minha vida! Eu só quero estar todos os dias aqui contigo, fazendo de vc a mulher mais feliz e desejada entre todas! Te amo”.

Segundo o delegado, a família sabia da fascinação do jovem pela apresentadora.

Veja Também

Garota de programa é condenada após golpe de R$ 18,3 milhões em idoso casado

Louise Caplan Foto: Reprodução Uma garota de programa foi condenada após aplicar um golpe em um ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.