Home / ESPORTE / Em corrida ‘maluca’, Hamilton vence no Brasil e força decisão para Abu Dhabi; Nasr é 9º

Em corrida ‘maluca’, Hamilton vence no Brasil e força decisão para Abu Dhabi; Nasr é 9º

Lewis Hamilton passa na entrada da reta dos boxes em Interlagos

Com muita chuva, dramático e emocionante. Assim pode ser definido o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 de 2016. No fim das contas, Lewis Hamilton conduziu sua Mercedes em meio ao dilúvio para vencer pela primeira vez em Interlagos e forçar a decisão do título para a 21ª e última etapa, em Abu Dhabi, daqui duas semanas.

Líder do Mundial, Nico Rosberg ficou na segunda colocação. A vantagem para Hamilton na liderança agora chega na última etapa em 12 pontos (367 contra 355).

O segundo lugar ficou de bom tamanho para Rosberg, que chegou a sofrer na corrida com a Red Bull de Max Verstappen. O piloto holandês chegou a ultrapassar Rosberg, mas se deu mal na estratégia dos pneus, arriscando com os intermediários, tendo que trocar de novo para os compostos de pista molhada.

cxkkcrcxuaeis7t

Ainda assim, Verstappen se recuperou, emendou ultrapassagens e conseguiu um lugar no pódio com a terceira colocação.

Para Rosberg sair dos Emirados Árabes Unidos campeão, basta apenas chegar na terceira posição, mesmo com Hamilton vencendo a prova.

Por conta da chuva que atingiu São Paulo neste fim de semana, o GP começou atrás do Safety Car. Após duas paralizações por conta do forte dilúvio, que causou diversos carros a saírem do traçado, bater e abandonar a prova, a corrida seguiu normalmente e terminou apenas 3h depois do horário da largada.

Choro de Massa, alegria de Nasr

Ver imagem no Twitter

A prova também foi a última de Felipe Massa diante do torcedor brasileiro. Duas vezes vencedor em Interlagos, Massa viu o fim de sua corrida na 48ª volta, quando ele rodou na entrada da reta dos boxes e bateu no muro.

Na volta ao pitlane, Massa foi às lágrimas e aplaudido por mecânicos da Mercedes, Ferrari (sua ex-equipe, pela qual venceu 11 corridas e foi vice-campeão do mundo em 2008) e Williams.

Único brasileiro com chances de evitar que o país não fique sem representantes pela primeira vez desde 1969, Felipe Nasr fez uma ótima corrida pela Sauber, que conquistou seus primeiros pontos no mundial de construtores em 2016.

Nasr segurou o carro na chuva e chegou na nona colocação, somando dois pontos na corrida.

Veja Também

Vestappen comemora após vencer o GP da Arábia Saudita: ‘É bom ter a primeira vitória na temporada’

Max Verstappen venceu sua primeira corrida na temporada, com a autoridade de quem defende o ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

%d blogueiros gostam disto: