Home / ESPORTE / ‘Prefiro a vida à perna’, diz goleiro da Chapecoense

‘Prefiro a vida à perna’, diz goleiro da Chapecoense

follmann-chapecoense-29112016_ccn14xf8uw1l12y4011ayjo2m

O goleiro Jackson Follmann, um dos sobreviventes do acidente que vitimou a delegação da Chapecoense, está consciente da amputação de parte de sua perna direita (abaixo do joelho). Segundo os médicos que cuidam dos feridos em Medellín, atleta reagiu bem à notícia da perda do membro e mostrou estar bem psicologicamente.

– Prefiro a vida à perna. Vamos tirar isso de letra – disse o jogador, de acordo com relato dos médicos que concederam entrevista coletiva neste sábado, em Medellín.

Falaram à imprensa os médicos Marcos André Sonagli, ortopedista da Chapecoense, Edson Stakonski, intensivista de Chapecó, e Ferney Tobón, diretor clínico do hospital San Vicente Fundación, que falaram também da situação dos outros pacientes.

medicos chapecoense (Foto: Leonardo Lourenço)
Marcos André Sonagli, Ferney Tobón e Edson Stakonski, os médicos que concederam entrevista (Foto: Leonardo Lourenço)

O lateral Alan Ruschel respira sem ajuda de aparelhos deste ontem. Está bem e conversando com os médicos. Apesar de ter fraturado uma vértebra, ele não tem lesão medular e está mexendo normalmente os quatro membros.

Já o zagueiro Neto tem fratura na quinta vértebra lombar, a princípio não é uma fratura grave.O jogador, porém, tem perfuração no pulmão. Essa lesão é a que mais exige cuidados.

– Vamos fazer um novo exame para analisar a lesão. Mas só será feito em alguns dias, até que a parte pulmonar dê condições – afirmou Marcos André Sonagli.

Sobre o jornalista Rafael Henzel, os médicos explicaram que ele ainda respira com a ajuda de aparelhos, mas apresenta melhora clínica. Ele também lesão no pulmão, com infecção, mas vem respondendo bem ao tratamento.

Veja Também

Vestappen comemora após vencer o GP da Arábia Saudita: ‘É bom ter a primeira vitória na temporada’

Max Verstappen venceu sua primeira corrida na temporada, com a autoridade de quem defende o ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

%d blogueiros gostam disto: