Home / ENTRETENIMENTO / China vai reabrir cinemas e exibir “Vingadores” e “Avatar” para reaquecer mercado

China vai reabrir cinemas e exibir “Vingadores” e “Avatar” para reaquecer mercado

“A Origem” e “Interestelar” também serão relançados junto de outros blockbusters locais no país, que espera conseguir estimular público chinês a retornar às salas após contenção da pandemia.

A indústria do cinema no momento encara uma crise sem precedentes graças ao coronavírus, com redes de exibição inteiras de portas fechadas para impedir que os estabelecimentos se tornem pontos de disseminação da doença. Lançamentos foram adiados, festivais perderam data e os grandes estúdios chegaram ao ponto de começar a considerar abreviar a janela de estreia no VOD para minimizar o prejuízo das próximas semanas.

Mas se tudo no momento sinaliza o desastre, a China parece estar já na reta final da pandemia, pois não apenas a situação parece ter sido contida no país como o governo autorizou a reabertura parcial dos cinemas. E como a partir desta quarta-feira (25) em torno de 600 a 700 estabelecimentos do tipo voltaram à ativa no território, o desafio dos envolvidos agora é voltar a engajar as audiências chinesas a retornar sem medo às salas.

A solução, pelo visto, vai ser apelar ao passado. De acordo com o Hollywood Reporter, o departamento de cinema da China autorizou as redes de cinema a relançar no território longas de grande sucesso recente, incluindo não apenas blockbusters nacionais como “Lobo Guerreiro 2”, “Terra à Deriva” e “Espírito de Lobo” mas também produções hollywoodianas de imensa repercussão no país.

Os filmes que já estão acertados nesta última categoria incluem “Avatar”, os quatro filmes da franquia “Vingadores”, “A Origem” e “Interestelar”, que segundo fontes do THR estrearão “basicamente quando os DCPs chegarem às salas”.

A escolha destes longas não é por acaso, dado que são alguns dos lançamentos estadunidenses de maior sucesso na história do país.

Enquanto “Avatar” fez 202 milhões de dólares no longínquo ano de 2009, “A Origem” e “Interestelar” renderam respectivamente 68,5 e 122 milhões em suas passagens pela China, e nem se precisa dizer o quão popular a franquia do Marvel Studios é no território.

Além disso, a China também é bastante conhecida por render muito em relançamentos. O retorno de “Titanic” aos cinemas numa versão 3D, por exemplo, gerou um montante de 145 milhões de dólares em 2012, ao passo que a estreia tardia de “A Viagem de Chihiro” no território foi tamanha que derrubou a estreia de “Toy Story 4” no primeiro final de semana.

O plano de reaquecimento do mercado de exibição chinês não se limita apenas a isto, porém. Junto do relançamento, o governo do país também estão garantindo que toda a renda obtida na venda de ingressos das produções nacionais fique retida às redes exibidoras, sem que o governo tenha qualquer montante recebido na transação – o mesmo valeria paras os filmes de Hollywood, mas neste caso os 25% tradicionais dos ainda estariam garantidos.

Além dos cinemas, outros negócios públicos como restaurantes e shoppings foram reabertos no país no curso da última semana.

Paraíba em Minuto

Acompanhe mais notícias do Paraíba em Minuto nas redes sociais: Facebook e Instagram

Entre em contato com a redação do Paraíba em Minuto:

Telefone: (83) 98704-3401

Sobre Paraíba em Minuto

Veja Também

Em quarentena, Thammy e Andressa Ferreira aproveitam sol com filho e cãozinho

Família apareceu reunida em cliques no quintal publicados no Instagram Andressa Ferreira e Thammy Miranda estão aproveitando os ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.